Escolha sua linguagem: Português Espanhol
 
 

Importações venezuelanas cresceram 20,4% em 2012 e alcançam o máximo histórico

As compras externas feitas pelo setor público cresceram 28,3%.
Em um ano com uma eleição tão crucial como a do dia 07 de outubro de 2012, que entrou em jogo sob o presidente Hugo Chávez, impulsionou a economia e gerar o bem-estar era tarefa primordial para o governo. Com um sistema de produção desacelerando, as importações foram o percurso feito pelas autoridades para alimentar o consumo crescente que ocorreu em 2012, produto da liquidez fornecida pelo gasto público.

A mensagem anual do Banco Central da Venezuela (BCV) informou que as importações para o ano de 2012 fecharam em 56, 357 milhões de dólares. Isso representa um aumento de 20,4% sobre o recorde do ano de 2011, de 46, 813 milhões de dólares.

Revisão dos dados históricos de importações do BCV mostra que não só superou o recorde de 2011, mas foram acima do que foi alcançado em 2008, que até agora tinha sido o ano com mais importações na história da Venezuela.

Até então os produtos do exterior totalizaram 51.490 milhões, ou seja, este 2012 as importações foram 9,4% acima da marca.

No entanto, existem diferenças substanciais em relação à realidade de quatro anos. Para 2008, 75% das importações veio do setor privado, mas em 2012 o peso do setor privado caiu para 61,39%. Sua contrapartida, o setor público, aumentou a sua participação de 25% para 38,6%.

Fonte: http://www.eluniversal.com/economia/121229/importaciones-crecen-204-y-alcanzan-maximo-historico


Publicada em 02/01/2013

Voltar

 
 
 
 
Design by 3WF